Com covid-19, atacante da Chape recebe alta e não apresenta sintomas

Roberto já está em sua residência e seguindo todas orientações médicas

por Agência Futebol Interior

Chapecó, SC, 16 (AFI) - A Chapecoense informou na manhã desta quinta-feira que o atacante Roberto recebeu alta do hospital após ser internado, no último domingo, com Covid-19. Segundo o próprio clube, o atleta já está em sua residência e não apresenta sintomas há três dias.

O quadro do jogador, que chegou a receber suplemento de oxigênio, exigia cuidado. No entanto, o tratamento evoluiu bem e Roberto acabou tendo alta. Ele ficará isolado em sua casa até que um novo teste de covid-19 aponte resultado negativo e esteja totalmente recuperado.

A Chapecoense divulgou também novos protocolos a serem seguindo com o intuito de minimizar a propagação da doença. O departamento de fisioterapia do CT da Água Amarela voltará à Arena Condá, evitando que lesionados e atletas à disposição estejam no mesmo setor.

Atacante Roberto recebeu alta
Atacante Roberto recebeu alta
O clube afirmou também que banhos não serão mais permitidos nos vestiários e ambientes externos serão usados apenas em casos de necessidades. A ideia é melhorar o fluxo de atividades.

Nesta quarta, o presidente admitiu falhas dentro do clube. "Sempre cumprimos o protocolo, possivelmente tivemos falhas. Temos que pensar que os jogadores ao chegar no clube eles seguem o protocolo, mas após o treino, a pessoa tem sua vida, tem sua casa, embora recebam os procedimentos, aconteceu. Estamos conscientes e crentes que vamos continuar seguindo o protocolo", falou o mandatário à CBN/Diário.

ESTADUAL
O Governo de Santa Catarina decretou nova paralisação do Campeonato Catarinense por 14 dias, muito pelo alto número de pessoas contaminadas na Chapecoense, segundo a Vigilância Sanitária, 14 no total, incluindo o atacante Roberto, que era considerado o caso mais grave.

A Federação Catarinense de Futebol já divulgou a nova tabela das quartas de final do Estadual, com retorno previsto para o dia 28 de julho.