Série B: Em reunião, diretoria do Sport decide não renovar com ídolo

Durval defendeu o Leão da Ilha durante oito anos e foi um dos jogadores mais vencedores da história do clube

por Agência Futebol Interior

Recife, PE, 22 (AFI) - Uma das histórias mais bonitas entre um clube e jogador chegou ao fim na última terça-feira. Em reunião realizada com dirigentes do Sport, o zagueiro Durval foi comunicado que seu contrato não seria renovado.

Essa novela vem se arrastando desde o início do ano. No fim de janeiro, a diretoria soltou um comunicado agradecendo os serviços prestados por Durval, mas anunciando que seu contratado não seria renovado. A informação, porém, não caiu bem entre os torcedores.

Dois dias depois, o clube voltou atrás e decidiu renovar com Durval até o fim da Série B do Brasileiro. O contrato, no entanto, nunca foi assinado porque o zagueiro passou por uma artroscopia no joelho direito e não saberia quando teria condições de jogo novamente.

O zagueiro Durval foi comunicado pela diretoria do Sport que seu contrato não seria renovado
O zagueiro Durval foi comunicado pela diretoria do Sport que seu contrato não seria renovado
HOMENAGENS E PENDÊNCIAS

Em reunião realizada na última terça-feira, as partes decidiram colocar um ponto final na relação de oito temporadas. A diretoria rubronegra prepara uma série de homenagens, mas ainda precisa pagar alguns atrasados do ano passado.

Aos 38 anos e com esse problema físico, Durval ainda não se pronunciou sobre seu futuro, mas a tendência é que o zagueiro anuncie sua aposentadoria dos gramados. Nesta quarta-feira, ele participou do treinamento com o restante do elenco rubronegro.

RESPEITA O HOMEM!

Revelado na base do Unibol Pernambuco, Durval passou aianda por Botafogo-PB, Brasiliense, Athletico-PR, Guarani e Santos, mas foi no Sport onde fez história e ganhou projeção nacional. Em oito temporadas pelo Leão, o zagueiro disputou 343 partidas.

Pelo Sport, clube com o qual é mais identificado, o defensor de 38 anos soma 343 jogos, 23 gols, seis títulos do Campeonato Pernambucano, uma Copa do Nordeste e uma Copa do Brasil. Foram duas passagens: entre 2006 e 2009 e entre 2014 e 2018.

Os maiores títulos, porém, foram conquistados pelo Santos, entre 2010 e 2013: Libertadores de 2011, Recopa Sul-Americana de 2012, Copa do Brasil de 2010 e o tricampeonato do Paulistão, entre 2010 e 2012.